domingo, 20 de fevereiro de 2011

Não... Não diga que o amor é forte, não diga...


Sem saber se fiz bem ou fiz mal sigo com passos calcados. Uma lágrima rabiscada no rosto, um louvor no coração. Na pura liberdade do meu canto desfazem-se as inúteis promessas de eternidade. Era eu apenas uma criança... Tão quente e tão doce... Tenra inocência... Refém dessa ironia.  O direito de amar não possuo. Quantos tributos eu pagaria...?! Todos meus versos não seriam suficientes para convencer. Esgotaram-se todas as minhas preces, as falsas evidências foram cruéis contra mim e você resistira a crer. Fui à loucura em busca da razão, razão que se perdeu... Pois se tenho que dizer quem sou, simplesmente não sou! Melhor do que ter razão de qualquer coisa é ter a consciência tranqüila. Nunca foram revelados meus segredos... Um vaso moldado pelas mãos de um só oleiro... Em qual abraço eu permitiria esconder-me...? Qual que chamasse pelo meu nome eu atenderia...?  Perdoe-me. Perdoe-me por falar a língua insana dos loucos... Não permitirei jamais que meu amor seja devorado e escarnecido novamente. Não sei que parte de mim fora arrancada... Sei que vivo a escarnecer desse algoz sentimento.  No âmago do meu ser há uma centelha que espera encontrar novamente a melhor parte de mim. AMOR... Palavra subjetiva que desceu os degraus da minha alma. Momento em que nos meus olhos conta em silêncio das vezes em que eu me aninhava em seu peito como uma criança que só queria o céu... E te dava o céu. Mas com nosso orgulho sufocamos as estrelas.  Não... Não chore... Não diga que o amor é forte, Não diga...
“Dessa forma, a escolha não depende daquele que quer, nem daquele que corre, mas da misericórdia de Deus.”
Romanos 9:16

                      All Rights Reserved 2010 Copyright © Rose Sousa. 

Um comentário:

  1. Já sabe onde onde passar o carnaval?
    Que tal em Salvador?
    No meu blog tem uma ótima promoção para o carnaval
    Da uma conferida lá
    - Vou te seguir, me segue tbm? ^^
    www.lojazart.blogspot.com

    ResponderExcluir

"São os sentimentos e não o intelecto que determinam as opiniões. " Seja bem vindo!

Google+ Badge