quinta-feira, 20 de agosto de 2015

Pra rua me levar

Não vou viver, como alguém que só espera um novo amor
Há outras coisas no caminho onde eu vou
Às vezes ando só, trocando passos com a solidão
Momentos que são meus, e que não abro mão

Já sei olhar o rio por onde a vida passa
Sem me precipitar, e nem perder a hora
Escuto no silêncio que há em mim e basta
Outro tempo começou pra mim agora

Vou deixar a rua me levar
Ver a cidade se acender
A lua vai banhar esse lugar
Eu vou lembrar você

É, mas tenho ainda muita coisa pra arrumar
Promessas que me fiz e que ainda não cumpri
Palavras me aguardam o tempo exato pra falar


Coisas minhas, talvez você nem queira ouvir


Já sei olhar o rio por onde a vida passa
Sem me precipitar, e nem perder a hora
Escuto no silêncio que há em mim e basta
Outro tempo começou pra mim agora

Vou deixar a rua me levar...



Letra de música: Seu Jorge

3 comentários:

  1. São encantadoras as suas publicações, Rose...é muito bom vir até aqui!!! abraços, ania..

    ResponderExcluir
  2. Ouvi o vento e a música
    Procurando um porto na madrugada
    Ouvi a chegada de um navio
    Julguei sentir uma voz amada

    Meu Armando, meu amor...
    Uma criança jogando lama ao meio dia
    Embrenhada e perdida na alma
    Com rimas colorindo pálpebras de nostalgia

    Doce beijo

    ResponderExcluir
  3. Um poema lindo, onde me sinto plenamente enquadrada, mesmo não o tendo escrito.
    Parabéns, é excelente.
    Tinha saudades de ler palavras ditas com o coração.
    Bjs.

    ResponderExcluir

"São os sentimentos e não o intelecto que determinam as opiniões. " Seja bem vindo!

Google+ Badge